quinta-feira, junho 14, 2012

constatação

É foda.Tem dia que a gente acorda e pensa: Que merda é essa? E não tem mais saída. O dia continua sendo uma merda. A noite, uma merda. E você dorme e pensa: amanhã vai ser melhor. Acorda e tá tudo uma merda de novo.

(republicado muitas vezes)

13 comentários:

Lara Amaral disse...

Pois é... merda

Henrique Pimenta disse...

Na melhor das intenções, merda estruma...

Mauro Lúcio de Paula disse...

Quem sabe você terá que republicar mais algumas vezes, a vida é assim mesmo um dia após o outro. Mas nunca deixe de republicar para nós também possamos dizer o dia está uma b.o.s.t.a....

Mauro Lúcio de Paula disse...

ah, esqueci comentar sobre a repaginada do blogue, gostei ficou mais limpo e a foto "undegrude" me fez lembrar Janis Joplin

Assis Freitas disse...

fodástico,


beijo

danilo disse...

é adriana,
tem dias que a gente acorda assim mesmo...num astral de merda, acha tudo um lixo, se sente cheio de rugas e rusgas, prá baixo, mas...

sempre tem um sol que vai amanhecer
e amaciar a noite
e amansar os nossos medos
e maus modos
e clarear clareiras
em nossos poços profundos
e escuros
sempre, e não há merda que resista
ou que insista
ante o calor da vida
ante o colar de vidro mesmo falso
que se entende brilhante
ofuscando
coriscando como estrelas
não há merda que não se acabe
e nem mel que sempre dure:
um dia depois do outro
do outro
um dia depois do sempre
e eu digo: merda
e isso não é dizer:
boasorte?

Marcos Satoru Kawanami disse...

Adriana,

É uma possibilidade compreensível, ainda que para um otimista crônico feito eu.

Mas vc é linda, por que não ser também otimista? Vc tem um filho, eu nem isso tenho, ainda... =D

Vinícius Paes disse...

É o resumo da vida, muita merda e falta de coragem pra dar descarga.

Seus versos fazem falta, nos meus dias mais medíocres, Adriana.

um beijo.

Adriana Godoy disse...

Aí, gente, valeu demais! Já passou, mas sei que pode voltar. Pra isso tenho vcs com sua força e poesia, com seu carinho.

Paes, gostei de sua presença.

Danilo, mais um poema que arrebatou.

Beijo

byTONHO disse...



Repito aqui o que disse la no FACE:

GO-DO-DOY!
Tem dias que a vida nos MEDRA², em outros a gente MEDRA¹!

:o)

L. Rafael Nolli disse...

Mas tem aqueles que tudo dá certo e compensa toda a merda!

nilson disse...

a melhor parte é esta:

"(republicado muitas vezes)"

nada mais natural neste mundo que é uma bela, imensa e interminável privada...

Lisa Alves disse...

tens dias que peço aos bons deuses um laxante existencial para que leve de uma vez essa merda toda.